A carregar...

ENTREVISTAS


Entrevistas:
Amílcar Augusto de Campos
Data da entrevista:
02-09-2020, Bemposta
Projeto:
Resumo:
Amílcar Augusto de Campos é natural da Bemposta. A sua história familiar está intimamente ligada ao contrabando: o pai e os tios eram contrabandistas e o seu avô materno foi Guarda Fiscal. Chegou a fazer contrabando com o pai, sobretudo de café. Trabalhou como servente na construção da barragem da Bemposta, e, aos 17 anos, passou “a salto” para França, com ajuda do seu avô, com o objetivo de evitar a Guerra Colonial. Lá ficou durante 7 anos, ao fim dos quais regressou a Portugal, tendo sido destacado para a Guiné para cumprir o serviço militar. Regressado, tornaria a Espanha e a França. Assinala as mudanças que se registaram na aldeia, decorrentes da construção da barragem e da emigração. Recorda a prática de contrabando: a travessia do rio, os produtos contrabandeados, os caminhos escolhidos e as dificuldades associadas, sobretudo nos confrontos com a Guarda Fiscal.
Ficha Técnica
Inês José Entrevistador
Amilcar Augusto de Campos Entrevistado