Workshop Memória para Todos — História Pública e práticas colaborativas

EVENTO ADIADO devido à evolução da situação epidemiológica do COVID 19 

Fundação Mário Soares — Rua de S. Bento, 176, 1200-821 Lisboa

Programa do Workshop disponível aqui.

Apresentação

A dimensão pública associada ao conhecimento histórico e ao papel social da história, compreende uma multiplicidade de abordagens de promoção da cultura histórica, desde a sensibilização, comunicação e disseminação a um público alargado, ou dinâmicas colaborativas de investigação histórica com a participação e envolvimento de cidadãos ou ainda através de práticas patrimoniais desenvolvidas por comunidades específicas. Assim, a História Pública configura, entre outras dimensões, projetos culturais (nomeadamente exposições, artes plásticas e performativa), projetos de história oral, arqueologia comunitária, investigação genealógica, passando pelas sociedades históricas, à construção de coleções, repositórios ou arquivos de comunidade, projetos de investigação, desenvolvimento de conteúdos televisivos, radiofónicos ou de ambientes digitais.
A História pública é ainda entendida na relação com dinâmicas de patrimonialização, no sentido da sua valorização e significado presente, fatores centrais para o desenvolvimento social, político e económico.
O envolvimento do público na produção do conhecimento histórico tem vindo a ocupar um lugar transversal na prática da historiografia, contribuindo diretamente para a valorização de identidades e de comunidades. A colaboração e a participação do público em dinâmicas patrimoniais, de preservação e construção da narrativa histórica, assumem diversas formas e respondem a diferentes estratégias de envolvimento conforme os contextos em que decorrem.
O workshop Memória para Todos — História Pública e práticas colaborativas visa promover a reflexão e o debate sobre a História Pública, numa perspetiva transdisciplinar, com especial enfoque nas práticas colaborativas de investigação, construção do conhecimento e iniciativas de preservação e valorização patrimonial através da apresentação de projetos e iniciativas que envolvam o público em algum momento do seu processo de desenvolvimento. Está em causa a partilha de boas práticas e desafios no contexto português, contribuindo para o conhecimento mútuo e o fortalecimento da rede de atores que se têm afirmado nesta área.
Memória para Todos — História Pública e práticas colaborativas é organizado pelo Centro República e o Instituto de História Contemporânea da NOVA FCSH em parceria com a Divisão Municipal de Cultura-Câmara Municipal de Lisboa.

Objetivos

  • Apresentar projetos e casos práticos de história pública e práticas colaborativas de investigação histórica;
  • Identificar e mapear os promotores que, dentro e fora do contexto académico, desenvolvem iniciativas que se inscrevem no âmbito da História Pública;
  • Debater estratégias de envolvimento de comunidades em processos de construção do conhecimento;
  • Identificar e refletir acerca dos impactos destas práticas na investigação e nas comunidades;
  • Questionar a importância destas dinâmicas em processos de inclusão social, regeneração urbana e coesão comunitária;
  • Refletir sobre o papel dos media e ferramentas digitais no contexto da História Pública e práticas colaborativas;
  • Promover a formação e criação de boas práticas na área da História Pública.

Temas

  • Práticas colaborativas de investigação histórica em diversos contextos: arquivos, bibliotecas, museus, autarquias, academia, escolas, associações, instituições de ensino superior e de ciência, e cidadãos independentes;
  • Modelos e estratégias de envolvimento do público em dinâmicas de investigação e de construção do conhecimento;
  • Impactos da história pública na valorização identitária e patrimonial;
  • História e património – dinâmicas colaborativas de inventariação, preservação e divulgação;
  • Potencialidades das ferramentas digitais na participação do público, disseminação e divulgação da História e do Património;
  • Comunicação e disseminação do conhecimento histórico.

Destinatários
Responsáveis/intervenientes por/em projetos de história pública e práticas colaborativas, nomeadamente:

  • Investigadores;
  • Professores de diferentes níveis de ensino;
  • Membros de Associações e Projetos dedicados à Memória e Comunidades;
  • Profissionais de Bibliotecas, Museus, Arquivos e Autarquias;
  • Cidadãos.

Sessões
O workshop compreende sessões de apresentação de projetos seguindo-se períodos de comentários e debate.
As apresentações poderão ser relativas a projetos realizados ou em curso, caracterizando as práticas e metodologias associadas e os resultados alcançados ou previstos.
Cada apresentação disporá no máximo de 10 minutos, no sentido de privilegiar o tempo dedicado ao debate.

Inscrições
Participação gratuita mediante a inscrição.