Maria de Lurdes da Costa

Maria de Lurdes Gomes da Costa é natural de São João da Madeira, tal como a sua
família. Os pais trabalhavam na agricultura para sustentar Maria de Lurdes e os seus 9
irmãos.
Como a família passava por muitas dificuldades financeiras, Maria de Lurdes começou
a trabalhar aos 10 anos, no sector do calçado, tendo frequentado a escola até à então 3ª
classe.
Recorda as duras condições de trabalho e os muito baixos salários da época e descreve o
quotidiano do trabalho nas fábricas de calçado.
Relata, ao pormenor, o processo de fabrico de calçado que usava nas fábricas, tendo
exercido funções em diferentes etapas, do tratamento do couro e das peles à montagem
das solas.
Assistiu às várias etapas de modernização do sector do calçado com a passagem dos
processos manuais para as máquinas eletrificadas e, mais tarde, automatizadas,
principalmente na Fábrica Nicolaus, que recorda com mais saudades.
Descreve as mudanças nas condições de trabalho que resultaram da Revolução de 25 de
Abril de 1974 considerando que, apesar de haver alguma queda no emprego, este passou
a gozar de melhores condições e proteções, como a proibição do trabalho infantil.

0:00 – Informação biográfica
0:23 – Família e trabalho dos pais
1:46 – Racionamento alimentar
2:25 – Redes de solidariedade
3:05 – Fome
4:00 – Pobreza
5:41 – Educação
5:55 – Início da vida laboral
7:11 – Educação
7:41 – Trabalho
8:58 – Mudança de trabalho
13:41 – Organização fabril
15:06 – Trabalho à tarefa
16:34 – Encarregados
16:42 – Divisão de tarefas por sexo
16:58 – Trabalho das solas
17:46 – Formação
18:05 – Fabrico de calçado
21:45 – Origem das peles
22:32 – Controlo de trabalho
23:07 – Quotidiano
24:37 – Aprendizagem
24:54 – Máquinas
26:21 – Fábrica Nicolaus
27:10 – Relação com as fábricas onde trabalhou
28:02 – Condições de trabalho
28:40 – Processo de fabrico de calçado
29:11 – 25 de abril de 1974
30:28 – Lutas laborais
31:10 – Fecho de fábricas
32:15 – Direitos laborais
32:23 – 25 de abril de 1974
32:35 – Trabalho infantil
33:11 – Comércio
34:22 – Trabalho doméstico