Manuel Correia da Silva

Manuel Correia da Silva é natural de Santa Maria da Feira. O seu pai trabalhava na fábrica Costa e Companhia, de cera e velas, enquanto a sua mãe trabalhava na Arrifana, no sector da chapelaria. Tinha quatro irmãos, que trabalharam, também, no sector do calçado, na fábrica da Oliva e no sector da borracha. Terminando o então quinto ano, na Escola Industrial, estagiou na Oliva, onde passou por vários sectores de produção. Quando terminou o estágio, entrou no quadro de funcionários da fábrica, sendo colocado na sala de desenho. A sua mulher também trabalhou na Oliva, embora na parte comercial. Quando a empresa iniciou uma onda de rescisões, ambos mudaram de sector, começando Manuel a trabalhar na indústria automóvel, na fábrica da Jorogaso. Descreve a introdução de novas tecnologias no trabalho de desenho, cuja aprendizagem foi feita num curso oferecido pela empresa. Considera que tanto na Oliva, como na Jorogaso, sempre viveu uma boa relação com os colegas e os patrões, apesar das diferenças entre as fábricas. Destaca as vantagens da polivalência dos funcionários, possibilitada pela circulação entre sectores. Recorda as convulsões laborais e com os sindicatos que marcaram os anos que seguiram a Revolução de 25 de Abril de 1974.

0:00 – Informação biográfica
0:11 – Família
0:40 – Contacto com S. João da Madeira
0:54 – Educação
1:04 – Pobreza
1:22 – Irmãos
1:46 – Educação e estágio na Oliva
3:01 – Trabalho na sala de desenho
3:56 – Estágio na Oliva
4:54 – Instrumentos de trabalho
5:25 – Estruturas de apoio aos funcionários
5:46 – Filhas
6:00 – Trabalho da mulher (Oliva Comercial)
6:45 – Saída da Oliva e mudança para a Jorogaso
7:00 – Modernização do trabalho e uso do computador
7:52 – Reforma
7:58 – Condições de trabalho
8:35 – Diferenças entre as fábricas
9:07 – Experiência na Jorogaso
10:28 – 25 de Abril de 1974 e consequências no trabalho
11:44 – Convulsões sociais e laborais
13:31 – Venda da Oliva à ITT e alterações
14:14 – Greves e sindicalismo
15:00 – Importância do centro industrial para São João da Madeira
15:21 – Transportes e deslocações
15:50 – Vida em São João da Madeira
16:39 – Quotidiano de trabalho
17:27 – Formação e aprendizagem