José de Jesus Caetano

José de Jesus Caetano (n.1943) é natural das Caldas da Rainha, tal como a sua família. Foi sempre um autodidata, aprendendo muito com as leituras que fazia.
Com os amigos costumava mariscar na Lagoa, para além de fazer praia.
Aos 18 anos, ingressou na Escola da Marinha Mercante, trabalho que desempenhou durante os anos da Guerra Colonial. Em 1973, estabeleceu-se na área da restauração nas Caldas da Rainha.
Em 1980 emigrou para os E.U.A.. No entanto, considera que a Foz do Arelho faz parte de todos os naturais da zona. Durante os anos em que esteve emigrado, trabalhou inicialmente na construção civil e, depois, no sector da restauração, conseguindo abrir vários cafés e restaurantes. Em 1992, o seu restaurante na Flórida foi destruído pelo Furacão Andrew. Mais tarde, mudou de vida, tornando-se inspector de Segurança no Trabalho, emprego que o levou a conhecer grande parte dos E.U.A.. Durante o período em que esteve emigrado voltou anualmente à Foz do Arelho.
Em 2015 voltou a Portugal, embora não definitivamente.
Tem um programa de rádio, tendo já entrevistado grandes figuras da política portuguesa. Actualmente, transmite o programa À Conversa, na Rádio Mais Oeste.
Lamenta a exploração desmedida que tem sido feita na Lagoa de Óbidos, considerando que é urgente uma intervenção para a sua defesa e preservação.

0:00 – Informação biográfica
0:30 – Percurso escolar
1:37 – Marinha mercante
2:49 – Regresso às Caldas da Rainha
3:16 – 16 de Março de 1974
5:19 – Emigração para os Estados Unidos da América
6:36 – Evolução dos transportes
7:22 – Foz do Arelho e praia
7:56 – Apanha de marisco
8:39 – Venda de marisco
9:40 – Restauração
10:22 – Emigração para os E.U.A.
13:06 – Restauração
15:22 – Furação Andrew
15:42 – Gastronomia
16:15 – Inspecção de Segurança no Trabalho
17:13 – Programa de rádio
17:58 – Férias na Foz do Arelho
19:19 – Programa de rádio
20:24 – Gosto pela Rádio
20:42 – Rádio Mais Oeste – programa À Conversa
21:28 – Protecção da Lagoa de Óbidos
21:41 – Potencialidades da Lagoa de Óbidos
22:19 – Aberta da Lagoa
22:59 – Exploração da Lagoa
23:28 – Dinâmicas marítimas
24:26 – Preservação da Lagoa
24:55 – Envolvimento da população