Eduardo Leite Fernandes

Eduardo Leite Fernandes nasceu em Matosinhos. Atualmente vive em Vila Nova de Gaia e trabalha na Viarco.
Formou-se em Engenharia Química e tirou o Mestrado na mesma área, acreditando que pode dar um contributo positivo ao desenvolvimento da empresa e de novos produtos que diversifiquem a sua oferta.
É responsável pela secção de Produção de Mina, gerindo todo o seu planeamento e produção. Tem procurado trabalhar no sentido da sustentabilidade da empresa e da obtenção de certificados internacionais que permitam distinguir a Viarco nesse sentido.
Descreve as matérias primas usadas e os vários processos por que passam até à produção de um lápis na sua forma final, bem como a criação de novas cores para a grafite dos produtos artísticos.
Destaca a importância da partilha de ideias e a criação com proximidade de artistas, que considera permitir não só a inovação e a reinvenção da empresa, como o melhor sucesso dos produtos quando estes vão para o mercado.
Vê todos estes fatores, aliados a uma grande capacidade de reinvenção e adaptação, como a razão para o sucesso e a antiguidade da Viarco em Portugal e no resto do mundo.

0:00 – Informação biográfica
0:17 – Relação com a Viarco
0:35 – Educação
0:54 – Percurso profissional
1:40 – Entrada na Viarco
2:46 – Funções
4:16 – Processo de produção da mina
6:41 – Produção
7:32 – Cores
7:57 – Matéria-prima
8:34 – Tipos de mina
10:34 – Preferência por produtos nacionais
11:14 – Madeira
11:38 – Inovação
12:29 – Escassez de matéria prima
14:04 – Processo de produção de lápis
16:55 – Madeira
20:07 – ArtGraf
20:59 – Gamas
26:06 – Fábricas congéneres
26:21 – Gama publicitária
27:58 – Polivalência dos trabalhadores
30:06 – Lápis bicolor
30:54 – Importância da Viarco
32:24 – Turismo Industrial
33:30 – Motivação e inovação
35:05 – Máquinas
37:45 – Trabalhadores
38:13 – Acabamento
39:38 – Simbolismo da Viarco
40:30 – Visão de futuro para a Viarco