António Pereira Ferreira

António Pereira Ferreira (n. 1951) é natural de Braga mas vive desde os 8 anos em S. João da Madeira. O seu pai era chapeleiro, profissão que também iniciou, aos 14 anos, na empresa Armando da Costa. Passou, depois, para a Chapelaria Nacional, onde trabalhava as peles que seriam vendidas à Cortadoria Nacional do Pêlo.
Trabalhou nos vários processos de transformação da pele e do pêlo, dominando várias etapas do fabrico de feltro.
Assistiu às transformações na produção, com a introdução de novas máquinas, que alteraram a confeção dos chapéus. Relata o grande desgaste do trabalho chapeleiro.
Foi encarregado da secção de acabamentos da FEPSA.
Recorda o rigoroso controlo de qualidade que avaliava a produção de feltro e de chapéus acabados e o bom ambiente na fábrica e entre colegas e chefias.

0:00 – Informação biográfica
0:53 – Início da vida profissional
1:47 – Trabalho das peles
3:30 – Trabalho do pai
5:06 – Entrada na Chapelaria Nacional
5:27 – Trabalho na Chapelaria Nacional
6:24 – FEPSA
7:45 – Qualidade de peles
8:26 – Etapas da produção de chapéus
17:08 – Alterações na produção e introdução de máquinas
20:04 – Aprendizagem do ofício
21:25 – Chapéus de veludo
22:17 – Diversos tipos de chapéu
23:49 – Controlo de qualidade
25:50 – Locais de exportação
28:28 – Serviço militar
29:55 – Retrospetiva