A carregar...

ENTREVISTAS


Entrevistas:
Constantino Nogueira Pereira
Data da entrevista:
19-01-2020, Torre da Oliva, São João da Madeira
Projeto:
Resumo:
Constantino Nogueira Pereira é natural de Castelo de Paiva. Começou a trabalhar muito cedo, aos 14 anos, como sapateiro. No entanto, como o pai era mineiro, Constantino também começou a trabalhar nas Minas do Pejão. Descreve o trabalho nas minas como muito duro e muito mal pago, além do perigo a que os mineiros se sujeitavam. Por lhe oferecerem melhor salário, aos 16 anos, começou a entrar na Oliva, como rebarbador. Participou na fundação da U.G.T., apesar de ter abandonado o sindicalismo pouco tempo depois. Quando a Oliva encerrou, trabalhou como segurança para uma empresa privada durante cerca de 3 anos, até se reformar. Nunca abandonou o ofício de sapateiro, chegando a ter um negócio próprio em que revendia sapatilhas Sanjo. Ainda hoje continua a fazer pequenos trabalhos em casa. Recorda as condições que a Oliva oferecia aos trabalhadores, como uma cantina com preços com desconto para os funcionários. Afirma só ter boas memórias do tempo que passou na fábrica.
Ficha Técnica
Diogo Filipe dos Santos Ferreira [Entrevistador]
Constantino Nogueira Pereira [Entrevistado]
Projetos
Entidades